HRE conquista ISO 9001

- Quinta-Feira - 18/04/2013 Saúde e Bem Estar

img

São Miguel do Oeste
Com apenas dois anos de funcionamento, o Hospital Regional do Extremo-oeste - Terezinha Gaio Basso, administrado pela Organização Social Camiliana do Sul, em São Miguel do Oeste, anunciou, ontem, a certificação internacional ISO 9001/2008, que reconhece o trabalho de instituições em prol da qualidade. O diretor geral do Hospital, Valmor Busnello, remete a conquista aos colaboradores da instituição, que através do envolvimento contínuo, contribuíram para o recebimento da certificação.
Segundo Busnello, a certificação tem a marca dos mais de 300 colaboradores, entre as áreas assistenciais e administração. Ele salienta ainda, que a parceria entre Governo do Estado e São Camilo está dando certo e respaldo para realização de trabalhos com compromisso e eficiência.
Para o secretário de Estado da Saúde, Dalmo Claro de Oliveira, a conquista do selo ISO 9001 demonstra a qualidade dos serviços prestados pela unidade de saúde. “Isso comprova que a parceria entre a entidade e Governo do Estado está atendendo a comunidade de forma eficiente. E quem ganha com isso é a população do Extremo Oeste”, complementa.
O secretário Regional de São Miguel do Oeste, Volmir Giumbelli, disse que a certificação demonstra, claramente, o grande acerto na contratação da Organização Camiliana para administrar o Hospital.

HRE entre os destaques do país
Conforme informações da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) existem 4.000 mil empresas certificadas ISO 9001, no país. Destas, apenas 90 são instituições de Saúde ou Serviço Social, ou seja, somente 2% dos estabelecimentos, neste ramo, possuem o reconhecimento.
O Hospital Regional, em São Miguel do Oeste, atende exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e encara o desafio de mostrar que o SUS funciona, através de uma gestão eficiente, aliada a responsabilidade.  A diretora de qualidade do Hospital Regional, Carolina Pagliarin Brüggemann, salienta que a unidade hospitalar trabalha para obter destaque com foco diferenciado.
A diretora diz ainda, que essa certificação não é mais importante do que garantir a qualidade da assistência aos pacientes e famílias. “Sabemos que nossa responsabilidade social é muito maior do que um título, e podemos afirmar que estes requisitos de qualidade beneficiarão toda a comunidade”, complementa.
Os trabalhos da Gestão da Qualidade para a implantação da ISO 9001, no Hospital Regional, iniciaram no ano de 2011, desafio que permitiu identificar e formar lideranças e multiplicadores dentro da instituição, capazes de gerenciar seus próprios processos e apoiar os demais.

Mais notícias: Saúde e Bem Estar

Últimas notícias: