Polícia SC

- segunda-feira - 06/08/2018 Policial

img

Resultado da Operação PM Fortis estabelecida pelo Comando Geral da PMSC com o objetivo de coibir as práticas delituosas e proporcionar a sensação de segurança ao cidadão na linha de fronteira de Santa Catarina e demais municípios diretamente influenciados com medidas específicas de localização das drogas com a utilização de cães de faro são satisfatórias.

A Operação teve início no dia 09/8 e tem como base as cidades de

Dionísio Cerqueira e Paraíso. As equipes compostas de dois PMs e um cão

(K9 ou Faro), foram distribuídos nas cidades de Dionísio Cerqueira, Paraíso e Itapiranga. Também houve o apoio nas cidades de Palma Sola, Campo Erê e São Miguel do Oeste.

Com a realização de barreiras nas vias que ligam a Argentina e os Estados do Paraná e do Rio Grande do Sul através de Santa Catarina, os policiais militares vistoriaram 595 veículos, dos quais três foram apreendidos e onze veículos notificados por infrações de trânsito diversas. Durante as ações, 1138 pessoas foram abordadas e identificadas, sendo uma pessoa presa em cumprimento demandado de prisão, além de 9 gramas de cocaína terem sido encontradas em um veículo.

As atividades policiais militares realizadas na fronteira evidenciou a sensação de segurança na região, trouxe maior visibilidade e ostensividade às atividades da Polícia Militar e, conforme levantamento, evitou que crimes típicos da fronteira ocorressem em nossa área como o descaminho, contrabando e/ou tráfico de drogas.

Foram utilizados até o momento um total de 107 policiais militares, 42 viaturas PM e 12 cães oriundos do Canil Central da PM em Florianópolis e dos Canis Setoriais das PMs de São Miguel do Oeste, Xaxim, Herval do Oeste, Lages e Porto União. 

A Operação PM Fortis continua a ser realizada na faixa de fronteira sem data específica de encerramento. 



Mais notícias: Policial

Últimas notícias: