Últimas REGIONAL

  • Hospital Regional de São Miguel do Oeste treina profissionais para atendimento às emergências cardiológicas

    img

    O Hospital Regional Terezinha Gaio Basso de São Miguel do Oeste – Instituto Santé, com o objetivo de trazer o que há de mais avançado em atendimento às vítimas de emergências cardiológicas, realizou neste fim de semana, sábado, 21 e domingo, 23, um curso teórico-prático de suporte avançado em cardiologia.


    Os instrutores do Centro de Treinamento e Simulação de Emergência (CTSEM), de Porto Alegre (RS), se deslocaram a São Miguel do Oeste para ministrar o curso. Os participantes vivenciaram experiências em tempo integral com aulas teóricas e exercícios práticos.


    O instrutor, Darlan da Rosa, explica que o programa Advanced Cardiologic Life Support (ACLS) existe em mais de 100 países e é baseado em protocolos que mudam a visão dos profissionais que participam. “Faz com os médicos, enfermeiros e técnicos abordem os pacientes em equipe, pensando juntos”, afirma destacando que o Centro de Treinamento tem experiência de mais de 20 anos e é referência nacional.


    A gerente de enfermagem, Márcia Dreher, destaca o Hospital Regional recebe diversos casos de pessoas com emergências cardiológicas. “O curso qualifica a equipe e agrega segurança e qualidade ao paciente. É um investimento que entendemos como necessário diante da demanda, qualificando equipes do pronto socorro, internações, UTI e oncologia”, disse.


    Sobre o ACLS 
    O ACLS (Advanced Cardiologic Life Support) é um curso americano de capacitação avançada no suporte à vida elaborado para garantir um melhor atendimento às emergências cardiológicas. Durante o programa, os alunos aprendem uma abordagem sistemática do diagnóstico das principais patologias em emergência cardiológica, algoritmos de tratamento, reanimação cardiopulmonar, uso de desfibrilador externo automático (DEA) e dinâmica de equipe.

    24/06/2019 Leia...

    -

  • UCEFF COMEMORA 19 ANOS EM ITAPIRANGA

    img

    Há 19 anos realizando sonhos, escrevendo histórias e construindo conhecimento com milhares de pessoas. Gratidão por escrever conosco essa linda história!

    Nesta segunda-feira, 17 de junho, a UCEFF Itapiranga está completando 19 anos de criação da mantenedora da Instituição. Em menos de duas décadas de atuação a UCEFF, antiga FAI Faculdades de Itapiranga e a FAEM Faculdades de Chapecó, já se tornou a maior instituição de ensino superior do oeste catarinense. A unificação das marcas se deu a partir de 2010 em Chapecó e em 2018 em Itapiranga, quando a então FAI Faculdades virou Centro Universitário.

    O espírito empreendedor dos mantenedores da UCEFF prevê a expansão e oferta de cursos em todas as áreas que houver demanda, a exemplo da recente implantação dos cursos de Odontologia e Educação Física na unidade de Itapiranga, e Direito e Psicologia em Chapecó, além do curso de Processos Gerenciais no Ensino a Distância, modalidade que deverá receber investimentos consideráveis nos próximos anos.

    Além dos cursos de graduação oferecidos, a UCEFF atua fortemente na extensão universitária através de cursos de curta duração para acadêmicos e comunidade externa e em parceria com empresas, cooperativas, órgãos públicos, e entidades representativas. A iniciação a pesquisa é outro ponto forte, com diversos grupos de estudos organizados pelos cursos ou por áreas afins.

    As excelentes avaliações realizadas pelo Ministério da Educação nas unidades da UCEFF atestam a preocupação dos mantenedores e direções com a qualidade de ensino e a formação integral dos estudantes. Conforme o reitor, Leandro Sorgato “no DNA da UCEFF está a permanente inquietude. Estamos sempre em busca de aperfeiçoamento das metodologias de ensino/aprendizagem de nossos alunos, que são o motivo da nossa existência”.

    A preocupação em acompanhar a evolução das instituições de ensino superior e o que existe de mais moderno em laboratórios são as metas do dia-a-dia da UCEFF. “Queremos sempre oferecer aos nossos estudantes o que há de melhor para bem prepará-lo para o mercado de trabalho”, enfatiza o reitor Leandro Sorgato.

    UCEFF em números

    A grande UCEFF possui área construída de 22 mil e 500 metros quadrados, com salas de aula, auditórios, espaços de convivência, área administrativa e 65 laboratórios. Até o momento já formamos mais de 4.300 acadêmicos na graduação presencial.

    Temos 18 opções de cursos de graduação e mais de 40 de pós-graduação oferecidos de acordo com a demanda regional. Nossas bibliotecas tem mais de 66 mil exemplares físicos de livros e revistas. Atualmente convivemos com mais de 400 colegas funcionários e professores, além de 4.100 acadêmicos matriculados em Chapecó e Itapiranga.

    17/06/2019 Leia...

    -

  • Município estuda possibilidade de implantação de Centro de Inovação e Incubadora

    img

    O Vice-Prefeito Alexandre Ruscheinsky esteve em Florianópolis onde manteve audiência com Sandro Yuri Pinheiro, Diretor de Ciência Tecnologia e Inovação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável.

    A pauta da reunião foi a implantação de um centro de inovação e incubadora em Iporã do Oeste. Este centro vem sendo reivindicado pelo PRODELI.

    De acordo com Alexandre, esse projeto visa atender e auxiliar novos empreendimentos no município, com o objetivo de oferecer suporte a empreendedores para que eles possam desenvolver ideias inovadoras e transformá-las em empreendimentos de sucesso. Para isso, terão que ser oferecidos infraestrutura e suporte gerencial, com orientação aos empreendedores quanto à gestão do negócio e sua competitividade.

    14/06/2019 Leia...

    -

  • Programa Celesc Rural

    img

    Para reforçar as redes de distribuição de energia na área rural e garantir o crescimento do agronegócio no estado, a Celesc lançou nesta terça-feira, 11, em Chapecó, a segunda modalidade do programa Celesc Rural, que vai permitir a substituição de redes de energia elétrica monofásicas por redes trifásicas em diversos municípios catarinenses.

     

    Ao todo, serão investidos R$ 65,7 milhões em 1,2 mil quilômetros de rede da área de concessão da Celesc, com início já no segundo semestre deste ano. Novos projetos de rede já estão sendo executados para outras localidades e farão parte das próximas etapas do Celesc Rural.

    A mudança visa possibilitar a instalação de equipamentos mais potentes e modernos para as atividades no campo, contribuindo para o aumento da produção e trazendo uma nova realidade para os produtores e para o agronegócio catarinense.

    Atualmente, o Programa Celesc Rural está em fase de licitação para contratação de empresas e aquisição de materiais e a previsão é de que, até o final de 2020, quase 400 km de rede monofásicas tenham sido substituídas por trifásicas e mais de 800 km de cabos de alumínio nu tenham sido substituídos por cabos protegidos.

    Deste total, cerca de 80 km serão instalados no extremo oeste, em 18 municípios da abrangência da Unidade da Celesc São Miguel do Oeste .

    Para tanto, as redes trifásicas de energia elétrica vão possibilitar o aumento da capacidade do abastecimento de energia e, com isso, ampliar a presença de sistemas de irrigação, ordenhadeiras elétricas, motores para a moagem de trato dos animais, aquecedores de estufas, ventiladores para granjas e muitos outros equipamentos que requerem elevadas potências e que, devido ao alto consumo, não podem ser atendidos pelo sistema monofásico.


    O Programa Celesc Rural

    O Programa prevê duas intervenções principais:

    1 - A substituição de redes monofásicas por trifásicas para ampliar a capacidade do sistema elétrico, permitindo a modernização de maquinários e a adoção de motores mais potentes para aumentar a mecanização das atividades rurais e possibilitar aumento da produção e dos ganhos;

    2 - A instalação de cabos protegidos, para reduzir o número de desligamentos das redes elétricas devido ao contato com a vegetação. Esta ação ocorrerá especialmente nas áreas de grande presença de vegetação próxima às redes elétricas, como regiões de reflorestamento de pinus e eucalipto.

     

    Onde serão instaladas as redes trifásicas na região Oeste na primeira etapa de obras do Programa:

    A seleção das localidades por onde passa o traçado da rede trifásica é realizada a partir de análise técnica que considera a necessidade de um sistema elétrico com mais qualidade para o fomento da produção e o atendimento simultâneo do maior número de unidades consumidoras.

    A partir da construção da rede, os interessados em ter o sistema trifásico deverão solicitar à Celesc a instalação do transformador trifásico e da rede de baixa tensão entre a nova rede e sua propriedade.

    Veja, na tabela abaixo, as localidades que serão beneficiadas com as novas redes nesta primeira etapa do Programa no Extremo-Oeste catarinenses:

    12/06/2019 Leia...

    -

  • Alunos do Colégio La Salle Peperi participam de atividades interativas no Centro Esportivo da Unoesc

    img

    SÃO MIGUEL DO OESTE

    Os alunos do Colégio La Salle Peperi participaram, recentemente, de atividades interativas no Centro Esportivo da Unoesc. O curso de Educação Física proporcionou aos estudantes atividades de dança e ginástica, exercícios resistidos na sala de musculação e jogos cooperativos na quadra.

    Segundo a professora Sandra Fachineto, a atividade possibilitou aos adolescentes a inserção no ambiente acadêmico-científico da Unoesc e a oportunidade de conhecer sobre a profissão de Educação Física.

    A coordenadora do curso, professora Giovana di Domênico, destaca que é importante que os estudantes da Educação Básica conheçam o espaço da Universidade. "Nessa parceria, os alunos vivenciaram diversas situações de aprendizagem relacionadas à Educação Física em um clima de entusiasmo. Dessa forma, a Universidade enfatiza sua prática de inserção na comunidade", avalia a professora.

    Para a professora de Educação Física do Colégio La Salle Peperi, Camila de Souza, a atividade foi importante para os estudantes. "Nossos alunos puderam vivenciar atividades que não estão no seu cotidiano em um espaço diferente. Sentimos a empolgação e a alegria deles ao realizar as modalidades", salienta a professora.

    A supervisora educativa do colégio, Janete Piccoli, acrescenta que o contato com a Universidade é importante nessa fase decisiva da vida dos adolescentes do Ensino Médio. "A parceria entre o curso de Educação Física e o Colégio La Salle Peperi só veio a agregar na formação dos alunos, tendo em vista a experiência que eles tiveram dentro da Universidade", conclui a supervisora.

    11/06/2019 Leia...

    -

  • Unoesc recebe aprovação da Capes para o primeiro doutorado em Direito da região Oeste

    img

    O Conselho Técnico-Científico do Ensino Superior (CTC-ES) da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) durante reunião realizada de 29 a 31 de maio, deliberou pela recomendação do curso de Doutorado em Direito da Unoesc, com conceito 4. Dessa forma, a Unoesc passa a oferecer esse, que será o primeiro Doutorado em Direito da região Oeste e o único fora da região Litorânea de Santa Catarina.

    A conquista da aprovação do Doutorado, de acordo com Pró-reitor de Pesquisa Pós-Graduação e Extensão da Unoesc, professor Fábio Lazzarotti, é fruto de um trabalho árduo, em prol da consolidação da Universidade como referência no Ensino Superior no Estado e no País.

    — Expresso meu profundo reconhecimento aos dirigentes da Unoesc pelo apoio constante e confiança, em especial, ao professor Cimadon. Da mesma forma, agradeço aos coordenadores dos nossos setores que ajudaram nas adequações necessárias do projeto, e que não mediram esforços na busca pela aprovação do doutorado, ao professor Tramontina, Coordenador do Programa, todos os docentes e a equipe técnica que se engajaram nessa batalha — afirmou.

    Com a aprovação do Doutorado em Direito a Unoesc passa a ter três doutorados: em Administração, em Educação e em Direito, o que conforme reitera o professor Fábio, evidencia que, mesmo no interior do Estado distante dos maiores centros de formação, a Unoesc tem plena capacidade e competência de formar pesquisadores de alta performance e contribuir com o desenvolvimento de sua região e do País.         

    Para o coordenador do Programa de Mestrado em Direito, cujas aulas acontecem na Unoesc Chapecó, professor Robison Tramontina, a aprovação da Capes representa uma conquista importante para Unoesc e para a região Oeste de Santa Catarina. 

    — O Doutorado da Unoesc terá como eixo catalizador a pesquisa conceitual e prática voltada para a efetividade dos Direitos Fundamentais e para realidade local. Ele preocupar-se-á com questões acadêmicas, profissionais e sociais. Sendo assim, formaremos pesquisadores e agentes capazes de pensar soluções para problemáticas regionais e de agir no contexto em que vivem — afirmou Tramontina.

    A Unoesc está realizando as medidas institucionais necessárias à implantação do curso, de acordo com as diretrizes do Sistema Nacional de Pós-Graduação. A expectativa é que a primeira turma de doutorandos seja selecionada em agosto. O Edital será publicado nas próximas semanas.

    07/06/2019 Leia...

    -

  • Dia da Unoesc na Comunidade reúne centenas de pessoas na Praça Walnir Bottaro Daniel

    img

    SÃO MIGUEL DO OESTE

    Centenas de pessoas participaram, neste domingo (2), do Dia da Unoesc na Comunidade na Praça Walnir Bottaro Daniel. A ação contou com a participação dos cursos de Direito, Medicina Veterinária e da ONG Amigos da Deisy, que desenvolveram diversas atividades.

    Durante a ação, o curso de Direito promoveu a Campanha de Conscientização dos Direitos das Pessoas com Deficiência. Acadêmicos e professores prestaram informações sobre o Estatuto da Pessoa com Deficiência e abordaram sobre o Benefício de Prestação Continuada (BPC); direito à igualdade de oportunidades e não discriminação; direito ao atendimento prioritário, à saúde, ao trabalho, à educação, à acessibilidade, entre outros.

    Segundo a professora Alexandra Klein Perico e o coordenador do curso, professor Peterson Schaedler, o Brasil possui uma legislação ampla de proteção da pessoa com deficiência e é preciso avançar para que os direitos assegurados no papel sejam absorvidos pela cultura do povo brasileiro.

    O acadêmico de Direito, João Pedro Paz, destaca que o evento foi uma oportunidade para as pessoas sanarem dúvidas. "É importante que as pessoas com deficiência se informem e busquem seus direitos", ressalta o acadêmico.

     

    Campanha de Vacinação Antirrábica

     

    A comunidade também aproveitou para levar os seus animais de estimação para receberem a vacina antirrábica. Foram disponibilizadas 200 doses para cães e gatos. De acordo com a coordenadora do curso, professora Daniele Beuron, a raiva é uma doença perigosa e fatal, sendo que a única forma de prevenção é a vacina. Ela destaca que é função do médico veterinário cuidar da saúde dos animais, do meio ambiente e do ser humano.

    O acadêmico Deyvid Pazuck acrescenta que a ação proporcionou vivência profissional aos futuros médicos veterinários. "A campanha foi importante para o nosso aprendizado em relação à manipulação de vacinas e à aplicação delas nos animais, além de estarmos inseridos na comunidade com o objetivo de prevenir a saúde animal e a saúde da população", avalia o estudante, lembrando que, recentemente, Santa Catarina registrou um caso de raiva humana.

    05/06/2019 Leia...

    -

  • Município presta auxílio a vítimas de temporal

    img

    Prefeito Trevisan e vice-prefeito Alfredo Spier acompanharam ações coordenadas dos Bombeiros e Defesa Civil Municipal. Secretarias de Obras e Urbanismo trabalham na limpeza da cidade e recuperação de estragos. Mais de 8.300 metros quadrados de lona já foram distribuídos

    A Administração de São Miguel do Oeste colocou toda a estrutura das secretarias de Obras, Urbanismo, Departamento de Trânsito e Defesa Civil Municipal à disposição da população para recuperação dos estragos causados pelo temporal que foi registrado por volta das 12h20 desta quinta-feira (30).

    O prefeito, Wilson Trevisan, e o vice-prefeito, Alfredo Spier, deslocaram-se ao 12º Batalhão de Bombeiro Militar logo ao término dos ventos e chuvas torrenciais, a fim de levantar um diagnóstico da situação e traçar ações coordenadas de socorro às vítimas. Trevisan e Spier estiveram ainda na creche do bairro São Jorge e na UPA 24h, que tiveram algumas avarias no telhado.

    No total, sete creches e escolas da rede municipal registraram algum dano. O secretário de Educação, Paulo Drumm, informa que na creche do Centro e na escola do bairro São Jorge, o atendimento teve que ser suspenso à tarde, mas retorna normalmente amanhã. Outras estruturas municipais afetadas foram no aeroporto Hélio Wassum e Parque de Exposições Rineu Gransotto.

    O coordenador da Defesa Civil Municipal, Jeferson Dias, relata que até às 14h30, 8.300 metros quadrados de lona já haviam sido distribuídos para moradores cobrirem as partes destelhadas de suas residências. A distribuição é feita conforme a demanda registrada pelos Bombeiros, que tiveram 77 pedidos do material até este horário. Além dos destelhamentos, foram registradas diversas quedas de árvores, abrigo de passageiros e placas. Não há registro de feridos.

     

    31/05/2019 Leia...

    -

  • Biblioteca Itinerante é destaque com mais de 2.500 livros

    img

    Nos próximos dias deve ocorrer nova licitação para compra de mais livros para o acervo

    A Secretaria de Educação, Cultura e Esporte de Guaraciaba disponibiliza desde o ano de 2013 o projeto Biblioteca Itinerante nas escolas. Conforme a Secretária Roseli Comin, o ônibus foi reformado, sendo todo revestido no seu interior. Seu acervo bibliográfico foi ampliado para 2500 livros para que os alunos acessem diferentes conteúdos.

    Nos últimos dias, a Secretaria recebeu como doação do Grupo de Mulheres Voluntárias, novas almofadas para que sejam utilizadas no cantinho da leitura, dentro da Biblioteca Itinerante. Roseli explica ainda que nos próximos dias livros serão licitados para o acervo da Biblioteca. “Precisamos ter variedade e novidades de livros quando a Biblioteca visita as escolas do município, isso é um incentivo a mais pelo gosto de nossos alunos na leitura”, finalizou Roseli.

    Outra informação é que as demais Secretarias de Educação dos municípios da região aprovaram o Projeto, que é visitado por servidores destes municípios para conhecer a estrutura e poder implantar a Biblioteca Itinerante.

    29/05/2019 Leia...

    -

  • Sesc realiza "Cabide Solidário" neste sábado (1º/6) para entrega de doações da Campanha do Agasalho

    img

    A ação social ocorre em 27 cidades catarinenses e é uma oportunidade para as famílias em vulnerabilidade social, previamente identificadas, escolherem peças de roupas que estejam precisando.

    Neste sábado, 1º de junho, o Sesc Santa Catarina realiza a quarta ação social "Cabide Solidário: Doar é um ato de amor”, em 27 cidades catarinenses, como parte da programação da Campanha do Agasalho. A ação acontece em Araranguá, Balneário Camboriú, Blumenau, Brusque, Caçador, Canoinhas, Chapecó, Curitibanos, Florianópolis, Forquilhinha, Irani, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Laguna, Mafra, Rio do Sul, São Bento do Sul, São Joaquim, São José, São Miguel do Oeste, Tijucas, Tubarão, Urubici e Xanxerê.

    O “Cabide Solidário” é destinado às famílias previamente identificadas e acontece em centros comunitários, escolas, associação de moradores e outros espaços comunitários, em parceria com as prefeituras municipais, instituições sociais, lideranças locais e voluntários. Nos locais do evento haverá um espaço organizado com roupas expostas, separadas por tamanhos e tipos de peças, masculinas, femininas, infantis.

    A quantidade de peças por pessoa será limitada, para garantir que todos os interessados possam ter acesso. Também serão oferecidas atividades como: oficinas diversas (customização e pequenos reparos de roupas, apresentação pessoal, confecção de peças em crochê e tricô), ações de saúde preventiva, apresentações culturais, entre outras programações gratuitas.

    A proposta desta ação é de oportunizar a escolha para pessoas que necessitam das doações, proporcionando um ambiente em que se sintam respeitadas e valorizadas. Promover a autonomia, a autoestima e manter o princípio da dignidade humana, na qual, todas as pessoas são merecedoras de respeito e proteção, não importando sua origem, raça, sexo, idade, estado civil ou condição socioeconômica. “É necessário fortalecer sobre a importância de cada indivíduo na busca de justiça e bem-estar social através do ato de doação”, afirma Jéssica da Luz Pereira Pucci, gerente de Assistência do Sesc Santa Catarina.

    A Campanha do Agasalho realizada pelo Sesc em Santa Catarina segue até 29 de junho e as Unidades do Sesc no Estado são pontos de coleta. Com o lema “Sua doação é um abraço em quem tem frio”, o projeto mobiliza a sociedade para arrecadação de roupas de inverno, calçados, cobertores e mantas, em bom estado de uso, para serem destinados às instituições e comunidades de baixa renda, identificadas com estas necessidades.

    29/05/2019 Leia...

    -

  • Prefeito libera horário do comércio em São Miguel do Oeste

    img

    Decreto assinado por Wilson Trevisan regulamenta Medida Provisória do Governo Federal. Quem deseja desenvolver atividades econômicas de baixo risco em sua residência, também não precisa mais de alvará ou outra autorização para começar a trabalhar

    O prefeito Wilson Trevisan assinou nesta segunda-feira (27) o Decreto nº 9.128/2019, que dispõe sobre a liberdade econômica no município de São Miguel do Oeste. A decisão regulamenta no âmbito local a Medida Provisória nº 881, do Governo Federal. Um de seus principais pontos é a flexibilização do horário de atendimento do comércio para qualquer horário ou dia da semana.

    A partir de agora, as empresas que tiverem interesse estão autorizadas a manter expediente em horário estendido, contanto que sigam as leis trabalhistas, observem a lei ambiental e o direito de vizinhança e preservem o sossego público.

    Deixam de ser necessários ainda, para quem deseja desenvolver atividade econômica em sua propriedade, quaisquer atos públicos de liberação, tais como licença, autorização, inscrição, registro e alvará. A exceção diz respeito às atividades que envolvam riscos à saúde (pública ou sanitária) ou segurança.

    “Nossa ideia é desburocratizar, facilitar a vida de quem quer trabalhar, gerar emprego e renda, diminuindo a intervenção pública. Se um empresário entender que é melhor deixar seu estabelecimento aberto até mais tarde, pode deixá-lo, desde que obedeça à legislação trabalhista. Se alguém deseja desenvolver uma atividade econômica em casa, seja com um escritório, uma sala de costura, conserto de equipamentos ou outros, não precisa vir antes à prefeitura solicitar alvará, basta começar a trabalhar”, salienta Trevisan.

    27/05/2019 Leia...

    -

  • Manifestantes pró Bolsonaro movimentaram a cidade

    img

    SÃO MIGUEL DO OESTE 

    Manifestações foram realizadas por todo o país
    No domingo (26), em 17 estados brasileiros e no Distrito Federal foi marcado por protestos entre a manhã e a tarde em defesa do presidente Jair Bolsonaro e de medidas do governo, como a reforma da Previdência e o pacote anticrime apresentado pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro.
    As convocações ganharam força após os protestos em defesa da educação do último dia 15 de maio, contra os cortes anunciados pelo governo para os ensinos superior e técnico federais. Em algumas cidades pelo país, grupos de manifestantes saíram em passeatas e carreatas levando bandeiras do Brasil e faixas com frases de apoio a propostas apresentadas pelo governo de Bolsonaro. 
    Em São Miguel do Oeste, os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro se mobilizaram por meio das redes sociais para a realização de um Ato a favor do governo em todo o Brasil na Praça Walnir Bottaro Daniel. Os simpatizadores do atual presidente se concentraram no local já antes das 15h, onde foi realizada uma mateada regada à canções em favor à Bolsonaro e o Hino Nacional Brasileiro. Os manifestantes levaram cartazes, bandeiras do Brasil e também vestiram camisetas verde e amarelas.
     

    27/05/2019 Leia...

    -

  • Venezuelanos em Itapiranga

    img

    A ONU – Organização das Nações Unidas, através da Acnur envia representantes para Itapiranga. A visita de dois membros da agência internacional está agendada para terça-feira, 28.

    A finalidade é conhecer a realidade dos venezuelanos que vieram a trabalho para o município. A secretária municipal de Assistência Social, Karine Berwanger, acrescenta que os representantes da ONU vêm para relatar os trabalhos que a ACNUR exerce junto a refugiados e considerar o trabalho e organização da população e lideranças do município no acolhimento aos venezuelanos. Encontro está programado para a parte da manhã de terça-feira no auditório do Centro Administrativo Municipal.

    A expectativa é de que o organismo internacional contribua, de alguma forma, para que o município possa suprir as demandas públicas de atendimento aos estrangeiros, principalmente nas áreas de saúde, habitação, educação e assistência social.

    A secretaria Karine informa que atualmente 100 venezuelanos estão residindo em Itapiranga. 78 estão empregados no frigorífico JBS Aves. Outros 12 estão sendo admitidos. Alguns já estão com a família morando na cidade. No domingo, 26, novo grupo de 20 venezuelanos chega para serem empregados na Unidade Suínos da JBS.

    O primeiro grupo de venezuelanos refugiados chegou em Itapiranga em dezembro de 2018.

    24/05/2019 Leia...

    -

  • Fórum completa 60 anos São Miguel do Oeste

    img

    Para marcar os sessenta anos de história, foi realizado na manhã de quinta-feira, 23, um café com a imprensa para divulgar o aniversário de instalação da Comarca de São Miguel do Oeste em 1959.

    Participaram do evento o Juiz de Direito Diretor do Foro, Márcio Luiz Cristofoli, e demais juízes atuantes na Comarca, assim como alguns servidores do fórum da comarca.

    Na oportunidade, foram divulgadas para os veículos de comunicação as estatísticas dos trabalhos feitos pelos profissionais, como por exemplo, as sentenças, decisões interlocutórias, despachos, audiências, júri, movimentações processuais, distribuição, arquivados, suspensos e força de trabalho. Os dados são dos anos, 2016, 2017 e 2018.

    O júri mais polêmico, realizado nesta Comarca, certamente foi o dos crimes do KM 40, em meados do século passado. Conforme consta no livro “Nos rastros da Coluna Prestes”, editado pelo Jornal Imagem no ano passado. Conforme o professor e jornalista Euclides Staub, a Coluna Prestes atraiu, também, pessoas de má índole para se apossarem das economias dos migrantes. Segundo a lenda, uma família de alta periculosidade se instalou entre Iporã do Oeste e Descanso, local conhecido como Km 40, atualmente Linha São Valentim, para assaltar os migrantes que chegavam do Rio Grande do Sul com dinheiro vivo, automóveis e utensílios, para iniciarem a nova frente agrícola e exploração de madeiras. Para isso, construíram o Hotel Flor da Serra.

    O hotel, de propriedade de João Pedro, localizava-se na atual rodovia SC-386, hoje Km 14, em Iporã do Oeste. Neste hotel, segundo pesquisa da universitária Sirlei Daltoé, desde meados da década 1930 e fins de 1960, muitas pessoas acabaram sumindo misteriosamente sem deixar sinal algum.

    Os crimes estavam relacionados a João Pedro. Segundo registros baseados em historiografia oral, ele desmanchava os veículos, e as peças maiores eram jogadas em um banhado no fundo da propriedade, enquanto as pequenas eram colocadas em tambores cheios de óleo. Posteriormente, abriam-se buracos para enterrá-las.

    João Pedro era um homem de muitas amizades, realizava muitas festas para a alta sociedade da região e, com isso, conseguia sempre escapar da lei. A polícia teve muitas ordens para prendê-lo, mas nunca o encontrava, já que era avisado por amigos influentes. No momento em que a polícia conseguiu prender o acusado, este tentou o suicídio desferindo dois golpes de faca contra o próprio coração. João Pedro acabou indo a julgamento, mas por falta de provas ficou livre das acusações.

    Relato do capitão José Manoel Nolasco

    “Isto pelas vinte horas, quando faziam uma prisão em flagrante do Sr. João Pedro dos Santos em companhia do capitão José Manoel Nolasco, na localidade Quilômetro quarenta no município de Descanso. No momento em que o depoente acompanhava o preso João Pedro dos Santos, que trocava roupa, e quando o mesmo entrava no quarto para pegar mais uma roupa e forros de cama, o depoente ficou na porta e olhando para outro lado do quarto, não viu quando João Pedro dos Santos pegou uma faca que por ali se encontrava, e quando voltou a olhar e prestar atenção para João Pedro dos Santos, o mesmo já tinha se fincado duas vezes no próprio peito, não dando tempo para o depoente tentar qualquer medida para evitar que João Pedro fizesse tal ato, vindo João Pedro cair em cima da cama, caindo a faca ao chão; Que o depoente, a mando do seu superior, andava junto com João Pedro dos Santos para o mesmo vir para cadeia. Nada mais disse, encerrando o presente.”

    Transcrito por Euclides Staub, dos autos do processo nº 11153 – Comarca de São Miguel do Oeste – SC

    Croqui e Foto do Cpitão José Manoel Nolasco

    24/05/2019 Leia...

    -

  • Sicoob São Miguel doa aparelho para Oncologia do Hospital São José

    img

    Com o objetivo de materializar os valores do cooperativismo e o interesse pela comunidade, o Sicoob São Miguel entregou ao Hospital São José de Joinville/SC, um aparelho de laserterapia sistêmica. O aparelho será utilizado no atendimento odontológico do Ambulatório de Oncologia e irá contribuir para o tratamento dos pacientes que utilizam a radioterapia e quimioterapia.

     

    Para o Diretor do Hospital São José, Douglas Machado, a gratidão pela doação do aparelho é imensa e vem ao encontro com a missão do Hospital São José. "Temos como missão promover saúde todos os dias com humanização e eficiência,acolhendo com dignidade e responsabilidade os pacientes. Atitudes de generosidade como esta nos motivam e incentivam na busca pela melhoria contínua no atendimento prestado a todos os pacientes que nos procuram”, destaca Douglas.

     

    Silvio Sehn, gerente regional, destacou a importância em contribuir com a comunidade na doação do aparelho. “O Hospital Municipal São José é um grande parceiro do Sicoob São Miguel. Acompanhamos diariamente os desafios enfrentados por esta instituição que vai muito além de atender a população joinvillense, pois atende também toda a Região Norte do Estado. A doação do equipamento é um gesto de reconhecimento e gratidão ao trabalho realizado pelos profissionais do HMSJ, de modo especial a área de Oncologia e demonstra a atenção que a cooperativa tem a comunidade”, cita Silvio.

    23/05/2019 Leia...

    -

  • Município encaminha 180 pacientes para mutirão de cirurgias de catarata

    img

    Procedimentos serão realizados de hoje (20) até quinta-feira (23), ultrapassando 420 procedimentos desde 2017

    O Município de São Miguel do Oeste está realizando esta semana um mutirão de cirurgias de catarata. De hoje (20) até quinta-feira (23), 180 pacientes serão encaminhados para o Hospital Nossa Senhora das Mercês, em Iporã do Oeste, para realizar os procedimentos.

    Na manhã desta segunda-feira, os primeiros 27 pacientes foram levados pela Secretaria Municipal de Saúde até o município vizinho. À tarde, foram mais 27, totalizando 54 atendimentos só neste primeiro dia.

    SÃO MIGUEL DO OESTE

    O prefeito, Wilson Trevisan, e o secretário de Saúde, Leonir Caron, recepcionaram um dos grupos no local de partida do transporte coletivo que foi disponibilizado aos pacientes pela Secretaria de Saúde.

    Caron explica que o mutirão foi viabilizado por meio de recursos do Município e do Estado, através do Consórcio Intermunicipal de Saúde – CIS Ameosc, contemplando pacientes que aguardavam na fila. Eles estão sendo atendidos por uma empresa de São Paulo credenciada ao CIS Ameosc. “Com mais este mutirão, ultrapassaremos o número de 420 pacientes beneficiados com cirurgias de catarata e pterígio desde 2017”, assinala o secretário.

    O prefeito, Wilson Trevisan, salienta que a intenção da Administração Municipal é zerar a fila de espera para estas cirurgias. “Será uma transformação muito grande na qualidade de vida destas pessoas. Não estamos medindo esforços para que mais esta necessidade seja atendida”, destaca.

    20/05/2019 Leia...

    -

  • Sicredi é Top of Mind RS pelo sétimo ano consecutivo e está entre as 10 empresas mais amadas do Estado

    img

    A instituição foi a mais lembrada pelo consumidor gaúcho na categoria cooperativa de crédito e obteve o nono melhor índice entre as 20 marcas premiadas com o Love Brands RS


    Pelo sétimo ano consecutivo, o Sicredi – a primeira instituição financeira cooperativa no País – foi a marca mais lembrada entre as cooperativas de crédito da pesquisa Top of Mind RS, promovida pela Revista Amanhã. O Sicredi é o primeiro nome na memória do consumidor gaúcho desde a criação da categoria em 2012. O levantamento considera a primeira empresa que vem à mente do entrevistado, o que mostra a força e a consolidação da instituição em solo gaúcho.

     

    Nesta edição, foram entrevistadas 1,2 mil pessoas, de 16 a 75 anos, de 20 municípios diferentes e que contempla todas as sete mesorregiões do Rio Grande do Sul. “A valorização e o desenvolvimento pessoal com os associados e as soluções financeiras que ajudam a melhorar a qualidade de vida dos parceiros e da sociedade são os diferenciais que fazem do Sicredi a cooperativa de crédito mais lembrada pelo sétimo ano seguido”, defende Márcio Port, vice-presidente da Central Sicredi Sul/Sudeste.

     

    Love Brands

     

    Realizada pela primeira vez, a Love Brands RS mostrou que o Sicredi foi a nona empresa mais amada no ranking geral do Top 20. O termo foi criado em referência às marcas que ultrapassam a habitual relação entre cliente e empresa e passam a ser essenciais na vida do consumidor. Uma instituição é considerada love brand quando o seu nome é apontado, sem ajuda ou estímulo, como o mais amado pelo público, ressaltando a criação de vínculo com os associados, as experiências positivas com os serviços e a vantagem de estar ao lado da cooperativa.  

     

    O jantar de premiação da 29ª edição do Top of Mind RS e a entrega dos certificados para 20 empresas reconhecidas como Love Brands RS serão realizados no dia 23 de maio, às 19h, no salão de festas da Sogipa, em Porto Alegre.

    17/05/2019 Leia...

    -

  • Município presta apoio na instalação de usina de biogás

    img

    Eletrosul e Governo Municipal firmam Termo de Cooperação para as obras de construção de uma central térmica de biogás na comunidade de Santa Fé Baixa.

    O Município será parceiro na parte técnica logística principalmente para a instalação do gasoduto, numa extensão de 11 km, que interligará os biodigestores à central térmica. A intenção é preservar a atual canalização de água, colocando a tubulação do biogás no lado oposto da rede de água.

    O projeto da Eletrosul entrou efetivamente em execução no final do mês de abril. A empresa contratada é a RTB Energia, de São Paulo, responsável pelas obras. Serão construídos três novos biodigestores, a central térmica e os 11 km de gasoduto para interligar os 11 biodigestores já existentes em propriedades na localidade que trabalham na criação  de suínos. A produção alternativa de energia se dará através do processamento do gás produzido pelos dejetos suínos. A usina terá uma potência instalada de 480 kW de produção de energia. A entrada em operação está prevista para o final do ano.

    14/05/2019 Leia...

    -

  • Eleita Senhorita Cedrense 2019

    img

    SÃO JOSÉ DO CEDRO

    O evento aconteceu no ultimo sábado, 11, e marcou o inicio das Festividades alusivas aos 61 anos de São José do Cedro. Foi organizado pela diretoria do Clube Cedrense e teve o apoio da Administração Municipal. 11 candidatas estiveram na passarela disputando o título. Elas foram preparadas por cerca de dois meses por Marina Dambrós, que neste ano coordenou os ensaios e o baile.

    Após os desfiles individuais e coletivo, voltaram à passarela cinco finalistas definidas pelos jurados. Aline Lebens, Fernanda Turani, Thayná Sevald, Natália Rodrigues da Silva e Saionara Stanislawsk, desfilaram novamente e responderam a perguntas sorteadas. Após a somatória das notas, duas delas empataram em primeiro lugar, sendo que Fernanda e Natália voltaram à passarela para responder a novas perguntas, quando houve um novo empate, sendo necessária uma terceira votação quando definiu que Natália Rodrigues da Silva foi eleita Senhorita Cedrense 2019. Fernanda Turani foi escolhida como segunda Senhorita Cedrense e Érica Bonavigo foi eleita como terceira Senhorita Cedrense recebendo 57 votos do público.

    O Prefeito Plínio de Castro e a Primeira Dama, Zaira da Silva Camara Castro fizeram a entrega dos brindes para a Senhorita Cedrense 2019. As jovens vão representar o município em eventos locais e regionais, entre eles a Expo Cedro, que acontece nos dias 26, 27 e 28 de julho.

    13/05/2019 Leia...

    -

  • Eskudark solicita estadualização de rodovias do Extremo Oeste

    img

    Parlamentar apresentou indicação para a estadualização de três rodovias municipais da região, Guarujá do Sul a Princesa, Barra Bonita a Anchieta, e São José do Cedro a Palma Sola

    O deputado estadual Mauricio Eskudlark (PR) apresentou nesta terça-feira, dia 07, indicação solicitando a estadualização de três rodovias do Extremo Oeste Catarinense. Os trechos reivindicados pelo parlamentar são rodovias municiais que ligam Guarujá do Sul a Princesa, Barra Bonita a Anchieta, e São José do Cedro a Palma Sola.

    De acordo com Eskudlark, a estadualização dos trechos proporcionará maior controle quanto a preservação, revitalização e melhorias e asfaltamento destas estradas. “Os municípios acabam não tendo condições de manter, muito menos fazer investimentos em melhorias, por isso nosso pedido para que o Estado assuma esta responsabilidade”, afirma.

    O parlamentar citou ainda que estes trechos são importantes para a economia do Estado e principalmente na preservação e qualidade de vida dos cidadãos. “Além da importância para a logística e escoamento da produção, o bem-estar do catarinense e uma maior segurança aos que trafegam são desejos da população”, conclui Eskudlark.

    08/05/2019 Leia...

    -